Grupo de Trabalho – Bibliotecas Públicas (GT-BP)

O GT-BP foi criado em janeiro de 2018 a partir da necessidade de ampliar as reflexões e discussões, bem como contribuir para a valorização das bibliotecas públicas no Brasil.

Tem por objetivos:

  • Subsidiar a construção de políticas públicas de acesso à informação e à leitura;
  • Desenvolver conteúdos que favoreçam a melhoria dos serviços e espaços das bibliotecas públicas;
  • Propiciar meios e espaço para difusão e compartilhamento de práticas e conhecimentos para a melhoria e valorização das bibliotecas públicas no país;
  • Colaborar na formação de equipes para atuarem em bibliotecas públicas.

Estabeleceu 3 eixos de trabalho:

  1. políticas públicas;
  2. difusão e compartilhamento de conhecimentos;
  3. formação de equipes.

Os trabalhos do GT-BP envolvem atividades presenciais e a distância e sua produção está ancorada no site da FEBAB.

No ano de 2018 foi realizada a 1ª. consulta pública com o objetivo de ouvir as demandas emergenciais dos profissionais que atuam no campo das bibliotecas públicas brasileiras, e organizar e priorizar as ações do GT-BP/FEBAB. Acesse aqui o relatório com os resultados.

Integram esse GT-BP:

Elisa Machado – UNIRIO (Coordenadora)
Bacharel em Biblioteconomia pela Fundação Escola de Sociologia e Políticas de São Paulo (FESP/SP) e doutora em Ciência da Informação pela Escola de Comunicações (ECA) da Universidade de São Paulo (USP). Atualmente atua como docente na Escola de Biblioteconomia e no Programa de Pós-Graduação em Biblioteconomia da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO).

Adriana Cybele Ferrari – FEBAB/USP
Bacharel em Biblioteconomia pela Escola de Biblioteconomia e Documentação de São Carlos (EBDSC), especialização pela PUC Campinas e MBA pela POLI USP. Assessora e Coordenadora da Unidade de Bibliotecas e Leitura da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo (2007-2015). Atualmente é Assessora do Gabinete do Reitor da Universidade de São Paulo. É presidente da Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições (FEBAB).

Cleide Fernandes – SEBPM/MG
Bacharel em Biblioteconomia pela UFMG e diplomada em Gestão de Bibliotecas Públicas pela Universidad Alberto Hurtado, no Chile. Atualmente é responsável pelo Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas Municipais da Superintendência de Bibliotecas Públicas e Suplemento Literário de Minas Gerais e vice-presidente da Associação dos Bibliotecários de Minas Gerais (ABMG).

Luís Cláudio Borges
Bacharel em Biblioteconomia pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Mestre e doutorando em Ciência da Informação pelo convênio entre o Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT) e a Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (ECO-UFRJ). Atualmente é bibliotecário na Biblioteca Pública Macedo Soares, da Secretaria Municipal de Educação de Jacareí (SP).

Marcos Paulo Viana
Bacharel em Biblioteconomia e Documentação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), cursou Mestrado em Ciência da Informação na UFBA, atuou como Presidente-Conselheiro do Conselho Regional de Biblioteconomia da 5ª Região (BA/SE), atualmente é subgerente do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas da Bahia, conselheiro do Conselho de Políticas Culturais do Município de Salvador, comissário do Fundo de Cultura da Bahia e parecerista do FAzCultura, como representante da Fundação Pedro Calmon/SECULT-BA, e presidente da Associação de Bibliotecários e Documentalistas do Estado da Bahia.

Nathalice Bezerra Cardoso
Bacharel e mestre em Biblioteconomia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) e especialista em Gestão Ambiental pelo PNUMA/UFRJ. Atualmente é membro do Grupo de Pesquisa de “Bibliotecas Públicas: reflexões e práticas” (GPBP) da UNIRIO.


Relatório da 1ª. Consulta pública do Grupo de Trabalho – Bibliotecas Públicas (GT-BP)/FEBAB [Acesse o Relatório]

Relatorio_consulta_publica_GT-BP_2018